capa 156Baleias que acasalam

De como "Viva o povo brasileiro", de João Ubaldo Ribeiro, marcou adolescentes em meio à ditadura. E mais: Lélia González e sua crítica ao racismo; questões sobre autoria negra a partir de Ana Paula Maia; entrevista com Rita Isadora Pessoa; uma proposta de leitura para "Grande sertão: veredas"

Clique para baixar o pdf

João Ubaldo Ribeiro: "Como eu escrevo?"

banner site

José Castello

Everardo Norões

SFbBox by casino froutakia

 

Divulgação

Vencedora do Prêmio Sesc de Literatura (categoria contos) em 2005, com o livro A secretária de Borges, a carioca Lúcia Bettencourt (foto) estreia agora no romance. O amor acontece — Um romance em Veneza(Record) brinca com a metalinguagem em duas frentes. Primeiro, o romance dentro do romance. Segundo, faz uma referência aos livros de encomenda que se tornaram moda nos últimos anos, como os baseados nos sete pecados capitais e os que resultam na viagem de um escritor para uma cidade (nacional ou internacional) a fim de compor um romance de amor. Com graça e leveza, ela conta a história de uma escritora que aceita uma destas encomendas e parte para uma meca (quase um clichê) do romantismo: Veneza. O que resulta é um livro divertido e discretamente irônico.